arquivos para download

baixe aqui os ultimos arquivos enviados

Olá


TÍTULO

DESCRIÇÃO

EVENTO

GRUPO

Ir para pasta:

Notas sobre Investimentos – Maio 2018

DATA: 20/06/18 Investimentos

CENÁRIO

O mês de Maio foi marcado por muita volatilidade (oscilação dos preços) no preço dos ativos, o que aumentou fortemente o mau humor do mercado em relação à atividade econômica, o principal motivador para esse aumento no pessimismo foi o impacto da greve dos caminhoneiros no preço dos ativos e na expectativa do PIB ,além de uma antecipação com a preocupação nas eleições de outubro. O mercado financeiro precifica uma recuperação gradual da atividade após a paralização o que se deve se acentuar dependendo do resultado das urnas. O mês de Junho e Julho terão parte de sua atenção desviadas do mercado financeiros para os campos de futebol na Rússia.

No exterior, a economia Americana continua em trajetória de fraco crescimento e a inflação está dando sinais de alta, o que fez com que a expectativa do mercado mudasse em relação ao aumento de nas taxa de juros promovidas pelo Banco Central (FED), isso teve impacto direto na cotação do dólar contra outras moedas. Outro fator importante em Maio foi a instabilidade politica causada pela Itália na Zona do Euro.

 

IMPACTO NAS CARTEIRAS

Na Renda Variável, o índice Bovespa caiu 10,8%, isso deve em grande parte a uma diminuição na expectativa de lucro futuro das empresas, fruto da paralização do país, o mesmo se deu na renda fixa, onde as taxas pré-fixadas, sofrem com os efeitos da greve, tendo uma abertura de taxas, fazendo com que alguns papéis tivessem rentabilidade negativa. Os investimentos em Multimercado conseguiram defender bem sua rentabilidade ante ao CDI.

Os perfis Aposentado e 0 à 10 sofreram com a renda fixa, no entanto no ano os ativos que compõe a carteira ainda superam o CDI. Já os perfis 10 a 20 e Mais de 20 tiveram o impacto na cota causado em grande parte pela renda variável e investimentos no exterior. Frente a esse cenário, os perfis tem mantido uma carteira defensiva, mas com expectativa de aumento a posições que gerem mais retorno ao longo os próximos meses de acordo com uma melhor percepção no cenário econômico e político.

 

JUNHO – MÊS DE TROCA DE PERFIL

Aconselhamos nossos participantes a acompanhar a rentabilidade não apenas no mês à mês, mas dar maior enfoque na rentabilidade acumulada de períodos como de 12, 24 e 36 meses, isso por que, estamos trabalhando para construir e manter a sua aposentadoria no Longo Prazo, então na hora de fazer a escolha do perfil, não faça pela rentabilidade passada e sim por quanto tempo falta para se aposentar, a melhor opção é marcar o Ciclo de Vida, que coloca os seus investimentos de forma automática no perfil mais adequado ao seu momento de vida.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários

Não há nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar utilizando o formulário acima.