arquivos para download

baixe aqui os ultimos arquivos enviados

Olá


TÍTULO

DESCRIÇÃO

EVENTO

GRUPO

Ir para pasta:

Hoje começa a Black Friday! Fique alerta e não caia em golpes e fraudes

DATA: 23/11/18 Consumo

A Black Friday é a época do ano mais esperada por aqueles que querem comprar um produto, especialmente os mais caros, como um smartphone, um carro ou uma geladeira, por um preço mais acessível ou com mais opções de pagamento. É considerada um dia de descontos incríveis! A Black Friday, que tem a sua origem nos Estados Unidos, costuma acontecer na última semana de novembro. Entretanto, esse ano, ela acontecerá no dia 23/11, uma semana antes do esperado. Coincidentemente, essa também é a época do ano em que os trabalhadores registrados recebem a primeira parcela do décimo terceiro salário, o que aumenta o seu poder de compra, principalmente, impulsionados pela chegada das festas de fim de ano.

Acontece que muitos lugares acabam se aproveitando desse momento para aplicar golpes onde os descontos considerados arrasadores podem ser uma grande cilada! Estabelecimentos sejam eles físicos ou o e-commerce utilizam a data para dar descontos nada vantajosos aos seus clientes. Você saberia identificar uma promoção fraudulenta? Veja algumas dicas que selecionamos para você.

1. Acompanhe os preços antes da promoção

Essa é uma boa maneira de você se manter informado sobre o quanto aquele determinado produto estava valendo antes da Black Friday. Assim, quando chegar a data, você saberá se o desconto aplicado é realmente condizente com a ocasião e se vale a pena o investimento. O ideal é que você faça essa pesquisa pelo menos duas semanas antes da data. Isso porque diversas lojas acabam inflando os preços dias antes para que quando chegue a Black Friday, o produto volte ao seu valor normal. É o chamado “tudo pela metade do dobro”, uma fraude bem comum nessa época. Portanto, fique atento!

Além disso, fique de olho nos valores do produto almejado em diferentes lojas. Isso te ajuda a ter uma noção se determinado lugar está abusando na precificação do produto ou não.

Nesses casos vale fazer uma lista de desejos, na qual você deve colocar os produtos que deseja adquirir no dia. Dessa forma, você contabiliza os valores, avalia se o desconto é verdadeiro e vantajoso e também evita compras por impulso. É sempre bom analisar o seu orçamento na hora de montar essa lista!

2. Procure saber a avaliação das lojas

Sites como o Reclame Aqui ou até mesmo as redes sociais da loja costumam agregar uma série de avaliações sobre o estabelecimento ou e-commerce. Nesses lugares será possível ver quais são as queixas mais comuns e se a loja costuma ficar de prontidão para resolver os problemas. Se prevenir é um ótimo caminho para evitar dores de cabeça.

Pense que se você tiver algum problema com o produto que adquiriu, você vai querer que a loja o resolva o mais rápido possível. Há estabelecimentos que não se preocupam com essa agilidade ou nem mesmo resolvem essas eventuais adversidades. Além disso, você também pode acompanhar de perto se já houve alguma reclamação sobre preços absurdos ou incoerentes. Uma boa dica para evitar esse sufoco é comprar em lojas conhecidas.

3. Preste atenção nas letrinhas pequenas

Sabe aquelas letras minúsculas que nos passam batido na hora de comprar um produto? Pois bem, preste muito a atenção nelas. Essa é uma dica válida especialmente para e-commerce. O que acontece nesses casos é que muitas vezes a imagem do produto é meramente ilustrativa ou aquela mercadoria tem alguma especificação importante. Isso evita que você se engane no ato da compra e tenha mais consciência do produto que está levando para casa.

4. Não caia na tentação das promoções

Ter foco é fundamental, senão, adeus dinheirinho. Ele vai se esvaindo tão rápido quanto o dia das promoções. Não saia comprando tudo o que vê pela frente, sob a tentação dos preços baixos. Adquira somente os produtos necessários. Por isso, a lista de desejos mencionadas anteriormente é importante. Ela servirá de guia durante a Black Friday.

5. Produtos com defeitos devem ter aviso

É comum que produtos com algum defeito de fábrica venham com descontos. Mas a loja não deve querer tirar vantagem sob os baixos preços. Segundo o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), os produtos defeituosos devem conter algum aviso de forma clara e visível ao comprador e a irregularidade não pode afetar o desempenho da mercadoria.

6. Fraude nas taxas de entrega

Muitas lojas utilizam a artimanha de elevar os preços da taxa de entrega como forma de compensar as promoções, sem contar no tempo estendido para a entrega desse produto. Nesses casos, a mercadoria pode sair mais cara do que o normal. Avalie se realmente compensa a compra nesses casos.

7. Guarde os comprovantes de compra

Eles serão a sua prova concreta caso algum estabelecimento físico ou online seja indicado como fraudulento. Nesse caso, você terá como comprovar que foi uma das vítimas e pode ser ressarcido. Então, guarde os comprovantes físicos ou virtuais, até mesmo para eventuais problemas com o produto.

 

Se você quiser ficar de olho em tudo o que acontece durante a Black Friday para poder se prevenir, confira o projeto No Meu Dinheiro Mando Eu. Uma iniciativa da Abrapp (Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar), apoiada pela Previbayer. No site do projeto você encontrará outras dicas sobre como se precaver para não cair nas armadilhas dos descontos incríveis da Black Friday.

Boas compras!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários

Não há nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar utilizando o formulário acima.